domingo, julho 26, 2009

Vingadores Sombrios 4 a 7; Poderosos Vingadores 24 a 26; Novos Vingadores 54; Zumbis Marvel Vol. 4; Capitão América











Capitão América 600, 601, Prelúdio p/Renascido, Renascido 01 de 05, e +



Recentemente assisti o filme Watchmen, e não sei bem o porquê, mas fiquei com a sensação que não fez juz à história em quadrinhos. Eu li Watchmen pela primeira vez por esses scans que estão aí no link abaixo, que eu peguei no Rapadura Açucarada faz uns 2 anos. Mas eu lembro bem quando saiu aqui no Brasil a mini-série, e até folhei algumas páginas de alguns exemplares na época, emprestados pelo amigo Lancelot. Não é a toa que Watchmen é considerada uma das melhores histórias em quadrinhos de todos os tempos, mas o filme na minha opinião ficou aquém da unanimidade da hq.

Watchmen 01 a 12



domingo, julho 12, 2009

Detetive Comics 852 853; Batman 687 e 688; Batman e Robin 1 e 2; Red Robin 1 e 2; Sereias de Gothan 1; Ruas de Gothan 1; Oráculo A cura 3 de 3;

Ruas de Gotham 01

Volto a ativa com este post dedicado ao Batman, e sua nova fase. Após a morte de Bruce Dick assume o manto do Batman e Damian o do Robin.
Fiquei um tempo fora devido as provas no colégio, e ao trabalho acumulado, mas agora calmou um pouco. Durante a minha ausencia o Lancelot segurou as postagens sozinho com um belo trabalho. Valeu Lance.

sexta-feira, julho 03, 2009

armagedon,revelações,autority_v5,testament,the boys







pasta com scans do fim do mundo do universo de wildstorn..
um universo onde os herois lutam para salvar a terra e falham miseravelmente.
a companhe a luta de lacuna dos wildcats e demais herois para tentar salvar a terra,
e logo depois a terra destruida sob a proteção do outrora grandioso authority.
nada mais será como ja foi um dia.
E nesta nova saga da WILDSTORM vamos ver qual o futuro do UNIVERSO WILDSTORM, a Terra 50 do UDC!!

a serie se divide em armagedom,revelações,numero da besta,e depois authority.a leitura se da nessa ordem.


primeira HQ de Douglas Rushkoff, Testament, lançada em dezembro de 2005 traz duas tramas em seu roteiro, a primeira delas, com base bíblica (para ser mais exato o Torah, o correspondente judaico da Bíblia), e a segunda, um futuro não muito distante e muito caótico, que se aproxima muito com a realidade de 1984 de George Orwell. O que Douglas faz de especial, portanto, é conseguir relacionar o passado bíblico com a realidade que traça, criando grande espaço para crítica e polêmica




the boys esta volta,mais louco,mais pirado,mais...
vai le oras.